CONSERVAÇÃO AMBIENTAL - Primeira coleta geral de pilhas e baterias é realizada pelo TJRR

Foram coletados mais 1.400 itens que poderiam contaminar o meio ambiente se não tivessem a destinação correta.

 

A subsecretária de Planejamento e Gestão de Projetos, Erika Horta e a representante da Secretaria Municipal do Meio durante a entrega das pilhas e baterias no Bosque dos Papagaios

A entrega do material recolhido foi feita na Secretaria Municipal do Meio Ambiente, que o enviará para a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica

 

Disponibilizados há quase um mês, os Ecopontos (coletores de pilhas e baterias) instalados nos prédios do Poder Judiciário de Roraima passaram pela primeira coleta geral, que reuniu 1.389 pilhas e 22 baterias. O material foi recolhido e encaminhado para a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, que deverá realizar a destinação correta dos itens. A entrega foi realizada na manhã desta quarta-feira, 26 de junho.


Pilhas e baterias possuem na composição metais pesados, e com isso carregam o perigo de contaminação do solo e lençol freático, não podendo ser descartados de qualquer jeito no lixo comum depois que perdem a utilidade.

 
Segundo informações obtidas na Secretaria do Meio Ambiente, todo o material arrecadado será enviado para a Abinee (Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica) para que o descarte seja realizado conforme a Política Nacional de Resíduos Sólidos.

 

A subsecretária de Planejamento e Gestão de Projetos, Erika Horta e a representante da Secretaria Municipal do Meio conferindo as pilhas e baterias que foram entregues

 

Apesar de estarem presentes no dia a dia de grande parte da população mundial, muitas pessoas ainda não têm conhecimento sobre o perigo do descarte inadequado desse material; bem como, o mal que as substâncias que compõem os produtos podem causar quando manipuladas de forma indevida. 


A campanha será permanente e, segundo a subsecretária de Planejamento e Gestão de Projetos, Erika Horta, esta primeira coleta, que ultrapassou os 1.400 itens, deve-se à sensibilização, por meio das campanhas que o TJRR (Tribunal de Justiça de Roraima) iniciou na Semana do Meio Ambiente. “Os Ecopontos seguem funcionando; o trabalho não vai parar e a cada três meses será feita a coleta geral”, informou.


Veja onde estão localizados os Ecopontos:


PALÁCIO DA JUSTIÇA - Praça do Centro Cívico, 296 – Centro;


FÓRUM ADVOGADO SOBRAL PINTO - Praça do Centro Cívico, 666 – Centro;


FÓRUM CRIMINAL MINISTRO EVANDRO LINS E SILVA - Avenida Cabo PM José Tabira de Alencar Macedo, 602 - Bairro Caranã;


VARAS DA INFÂNCIA E JUVENTUDE - Avenida Ataíde Teive, 4270 – Bairro Caimbé;


SEDE ADMINISTRATIVA - EDIFÍCIO LUIZ ROSALVO INDRUSIAK FIN - Avenida Capitão Ene Garcez, 1.696 – Bairro São Francisco.